Senac Penha promove debates gratuitos sobre educação

0 36
Instituição promove a 12ª edição da Sala de Educadores até dezembro

O Senac São Paulo realiza, de março a dezembro, a 12ª edição da Sala de Educadores. A iniciativa gratuita visa estimular debates e a troca de experiências com profissionais da área de educação em 29 unidades da rede, na capital, Grande São Paulo e interior.

O tema deste ano é Aprender a aprender no século 21, em referência à concepção de educação da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), que defende o ensino e a aprendizagem como um processo contínuo e a escola como cerne da capacitação de agentes sociais.

O Senac Penha será a primeira unidade na capital a promover o evento. O encontro acontece no dia 14 de abril, das 9 às 12 horas. O doutor em filosofia da educação e coordenador da pós-graduação do Senac Santo André, Lupércio Aparecido Rizzo, ministrará a palestra Metodologias Participativas.

O bate-papo abordará os papéis desempenhados por educadores e educandos em sala de aula. A aplicação de metodologias participativas permite que o docente assuma a função de mediador diante das situações apresentadas. Assim, possibilita aos alunos uma participação efetivamente autônoma no processo educativo.

Sala de educadores

Realizado desde 2006, o evento destina-se a educadores dos setores público e privado, diretores, coordenadores de ensino e demais interessados. “A Sala de Educadores acompanha as transformações do campo educacional. Sua finalidade é incentivar a reflexão sobre os desafios da área e contribuir para a formação profissional dos educadores. Além disso, temos como premissa propiciar ao público um espaço de compartilhamento de vivências, de troca de ideias e de construção colaborativa de novas formas de atuação e transformação social”, explica Karoline Pinto, coordenadora da área de educação do Senac São Paulo.

Neste ano, a iniciativa debaterá temas em evidência na sociedade e que merecem reflexão no campo do ensino. Entre eles, a diversidade em sala de aula, inteligência emocional, políticas públicas, comunidades de aprendizagem, educação para trabalhadores, trabalho por projetos, pedagogia social, metodologias participativas, design thinking, metodologias ativas de aprendizagem, interface entre saúde e educação e saúde vocal. Os temas e a programação serão definidos ao longo do ano conforme a demanda local de cada unidade da rede Senac.

Para se inscrever e conferir a programação completa, acesse o Portal Senac, e escolha a unidade de sua preferência.

Reportagem: Da redação. Foto: Divulgação.

Comentários
Carregando...