Fonte Elo Ibirapuera apresenta espetáculo em homenagem a São Paulo

O espetáculo de aniversário é apresentado pelo Ministério da Cidadania e pela bandeira de cartões Elo

1.651

A cidade de São Paulo comemora 465 anos em 2019 e a Fonte Elo Ibirapuera terá mais uma vez o espetáculo em homenagem à data. O show das águas acontece de 25 de janeiro a 03 de fevereiro, em duas sessões, às 20h30 e 21h, e é apresentado pelo Ministério da Cidadania e pela Elo.

Assim como nas apresentações de Natal, nesta edição, além dos acessos para pessoas com deficiência física, o espetáculo oferecerá acessibilidade para pessoas com deficiência visual e auditiva. A transmissão será feita em parceria com as ONG Mais Diferenças e Ktalise Tecnologias e terá audiodescrição, legenda e libras. As pessoas com deficiência poderão baixar um aplicativo para acompanharem o conteúdo das apresentações em seus celulares.

O espetáculo, que tem 20 minutos de duração, começa contando brevemente a história da cidade a partir de imagens do Pateo do Collegio e passa por momentos marcantes como a inauguração da Avenida Paulista, o Museu do Ipiranga, o Mercadão e muitos outros.

No écran da Fonte, o público poderá ver também muitas referências sobre os bairros tão característicos da cidade como Liberdade, Bixiga e Vila Madalena. As imagens mostrarão a diversidade de cada região, exaltando a cultura cultivada em cada um deles.

O terceiro bloco da apresentação é dedicado à diversidade de etnias que São Paulo reúne. Para isso, serão mostrados diferentes rostos, gênero e estilos. O espetáculo vai dedicar também um momento para falar dos espaços de cultura e lazer que a cidade oferece, mostrando parques, centros culturais, teatros e baladas.

Para finalizar, será através do grafite, já que a arte de rua é tão marcante em São Paulo, que o ‘parabéns’ para a cidade será feito.

O espetáculo tem curadoria do músico Ney Marques. Entre as canções que fazem parte do repertório do espetáculo – produzido pela Divina Comédia, realizado pela Elfus Eventos e com apoio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, do Ministério da Cidadania –, estão alguns chorinhos, samba e hip hop. Entre as músicas escolhidas, estão “O Trenzinho Caipira”, de Heitor Villa-Lobos, “Saudosa Maloca”, de Adoniran Barbosa, interpretada por Demônios da Garoa, além de temas clássicos de Pietro Mascagni e Giuseppe Verdi.

Reportagem: Da Redação. Foto: Perigo.

Comentários
Carregando...