Theatro Municipal de São Paulo tem programação gratuita em maio

Programação do Happy Hour e das Quartas Musicais conta com recital de coro lírico, duo de piano e violoncelo, árias de ópera entre outros

977

O Theatro Municipal de São Paulo segue com a sua programação gratuita em maio, são as séries Happy Hour e Quartas Musicais que acontecem sempre às 18h nas segundas e quartas respectivamente. Os ingressos são distribuídos 1 hora antes de cada espetáculo na bilheteria. As apresentações ocorrem no hall ou no salão nobre.

Na segunda-feira (13), a soprano Marília Vargas junto com alunos realiza um recital de canto lírico. Ela é professora de canto lírico e da oficina de música barroca da Escola de Música do Theatro Municipal de São Paulo.  A cantora suíço-brasileira é uma das mais respeitadas sopranos da sua geração e realiza máster classes, apresentações em festivais de música e concertos, com presença regular em diversos países europeus, da América Latina, Japão e China.  No programa, que conta com a participação da pianista Miriam Braga, ela apresenta a obra Sete Canções Populares Espanholas, de Manuel de Falla, uma série de canções folclóricas espanholas do sul e do norte do país.

Na última apresentação do mês da série Happy Hour, na segunda-feira (20), às 18h, a soprano Mariana Benassi, o pianista Daniel Gonçalves, e o tenor Gabriel Roma e barítono Fernando Ribeiro executam em sua maioria canções francesas e árias de ópera.  Benassi executará o recital com movimentos cênicos e elementos que sugerem que a apresentação se dá em um café bistrô imaginário, sugerindo um ambiente do fim do século XIX e início do século XX, mas ao mesmo tempo contemporâneo.

No programa, peças do compositor francês Claude Debussy, um dos mais influentes compositores do século 20, como Beau Soir e Nuit d’etoiles, além da popular composição francesa La Diva de l’Empire, de Erik Satie, e árias de grandes óperas como a Sì, mi chiamano Mimì de La Bohème de Giacomo Puccini, Ach, ich fühl’s de A Flauta Mágica de Wolfgang  A. Mozart, Summertime de Porgy and Bess de George Gershwin, entre outros.

Para quem perder, a apresentação se repete na quarta-feira (22), às 18h, durante a série Quartas Musicais. Uma semana depois (29), o quarteto da Orquestra Experimental de Repertório (OER), formado por Nathália Brito, Rebeca Rathlef (violinos), Andreza Batistella (viola), Karen Hapukue (violoncello) executa o Quarteto nº1 em mi menor, de Bedřich Smetana.

Notícia: Da Redação. Foto: Divulgação.

Comentários
Carregando...