Influência africana na cozinha brasileira é tema de residência no Sesc Paulista

Coletivo aborda relação ancestral e estética de artistas e cozinheiras negras com a gastronomia e o mercado de trabalho

44

De 08 de novembro a 20 de dezembro, sempre às sextas, o Sesc Avenida Paulista recebe a Residência Artística e Gastronômica com o coletivo “Fermenta – Cozinha Preta que cresce”. A atividade aborda a influência africana na culinária brasileira, bem como as relações estéticas, de ancestralidade e memória inseridas na gastronomia. 

Com seis encontros presenciais, a residência trata ainda das questões do empreendedorismo negro no nicho gastronômico, o atual mercado de trabalho e a gastronomia a partir do conceito de fome. A atividade é gratuita e tem vagas limitadas. Para participar é necessário realizar a inscrição uma hora antes a partir do primeiro dia do curso, no espaço de Tecnologias e Artes (4º andar).

 

Ferramenta – Cozinha Preta que Cresce

“Fermenta – Cozinha Preta que Cresce” é um território livre de formação e experimentação entre comida e arte. Baseado em uma formação que pensa a cozinha como parte integrante e primordial no processo de educação de crianças, adolescentes e adultos. A Fermenta se utiliza de vivências gastronômicas e processos artísticos para ensinar práticas que possibilitem estimular a memória dos participantes a ter uma outra relação com os alimentos e entender os diversos processos desde o alimento vivo até ele se transformar em um produto industrializado. 

Os processos e estilos artísticos abordados por nós priorizam a história oficial da arte e cultura afro-brasileira e a forte influência africana na cozinha brasileira.

 

Residência Artística e Gastronômica

A residência gastronômica Cozinha Preta, idealizada pela “Fermenta – Cozinha Preta que cresce”, aborda a relação de artistas e cozinheiras(os) negras(os) a partir de práticas que reflitam as possibilidades de encontro entre cozinha e arte. Refletindo a respeito da verdadeira função da cozinheira(o) negra(o) dentro do mercado de trabalho e suas contradições.

 

Serviço

  • Data: de 08 de novembro a 20 de dezembro.
  • Horário: das 19h às 22h (sextas).
  • Ingresso: Grátis – Vagas limitadas. Inscrições 1h antes a partir do primeiro dia do curso, no 4º andar.
  • Classificação: Não recomendado para menores de 16 anos.
  • Endereço: Avenida Paulista, 119, São Paulo.
  • Telefone: (11) 3170-0800.

 

Notícia:  Da Redação. Foto: Matej Madar.

Para conferir outras notícias como esta, acesse a home de nosso site.

Comentários
Carregando...