3 subprefeituras da ZL estão entre as regiões com mais mortes por covid-19

Prefeitura de São Paulo divulgou balanço do novo coronavírus nas 32 subprefeituras

53

A Subprefeitura Penha, na Zona Leste de São Paulo, é a região com mais óbitos registrados pelo novo coronavírus (covid-19): 79. Formada pelos distritos da Penha, Cangaíba, Vila Matilde e Artur Alvim, na subprefeitura vivem cerca de 473 mil pessoas, sendo uma das mais populosas da cidade.

Os dados foram divulgados na última quarta-feira (15) pela Prefeitura de São Paulo, considerando 1.201 óbitos confirmados ou suspeitos pela doença no município até o dia 13 de abril. Os números foram separados a partir das 32 subprefeituras da capital.

Entre as cinco regionais com mais casos do novo coronavírus, três delas ficam na Zona Leste. A Mooca (67), na região leste, e a Casa Verde (63), na norte, amargam a segunda e a terceira posição no “ranking de óbitos”. Na sequência, as maiores ocorrências estão nas subprefeituras Sé (61), no centro, e Itaquera (60), no extremo leste.

Na contramão, os menores registros estão em Parelheiros (7), no extremo sul de São Paulo, e em Perus (10), no extremo norte. Curiosamente, são as regiões menos populosas da cidade. Veja abaixo a relação de casos de covid-19 por subprefeitura.

 

3 subprefeituras da ZL estão entre as regiões com mais mortes por covid-19

 

Até às 15h da quarta-feira (15), a situação epidemiológica do município de São Paulo era de 563 óbitos confirmados por covid-19, 8.024 casos confirmados e outros 28.467 suspeitos. Além disso, 136 pacientes estavam internados nos hospitais de campanha da cidade, no Anhembi e no estádio do Pacaembu.

 

Por: Eduardo Silva.  Foto: Léu Britto/32xSP.

Para conferir outros conteúdos como este, acesse a home de nosso site.

Comentários
Carregando...