Mães Invisíveis: Linha 4 recebe exposição até dezembro

Na mostra, sete mulheres com deficiências físicas variadas aparecem em fotos ao lado de seus filhos ou grávidas

18

Em “Mães Invisíveis”, sete mulheres com deficiências físicas variadas aparecem em fotos ao lado de seus filhos ou grávidas. Portanto, com essa mostra, iniciada em outubro na estação Higienópolis-Mackenzie, da Linha 4-Amarela do Metrô, a fotógrafa Maria Paula Vieira – portadora de uma doença genética que causa problemas de locomoção – quer celebrar a força da mulher com deficiência.

A exposição, com 20 fotografias acompanhadas de depoimentos, exalta a beleza, a autoestima e a coragem dessas mães, que desejam ser reconhecidas para além da condição funcional de seu corpo.

No Brasil, segundo dados do Censo de 2010, 24% da população tem algum tipo de deficiência – isso corresponde a 45,6 milhões de pessoas, porém muitas ainda são pouco visíveis socialmente. Portanto,  “Mães Invisíveis” pretende estimular o debate a respeito da inclusão.

Para Juliana Alcides, gestora de Sustentabilidade da ViaQuatro, a iniciativa é um reforço no compromisso da concessionária. “Além de um transporte seguro e confortável, nosso objetivo é melhorar a experiência das pessoas que circulam pelas nossas estações. Portanto, com informações sobre saúde e contato com diversas manifestações artísticas e culturais”, afirma.

Por fim, seguindo recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) para evitar aglomerações, “Mães Invisíveis” também pode ser vista na página oficial da concessionária no Facebook e no Instagram. Contudo, vale reforçar que ela estará disponível somente ao longo dos meses de exposição.

 

Serviço

  • Higienópolis-Mackenzie: de 1º a 30 de outubro de 2020
  • Fradique Coutinho: de 2 a 30 de novembro de 2020
  • São Paulo-Morumbi: de 1º de dezembro a 8 de janeiro de 2021

 

Por: Portal do Governo.  Foto: Divulgação.

Assim sendo, para conferir outros conteúdos como este, acesse a home de nosso site.

Comentários
Carregando...