Com Vila Mariana, Sapopemba e José Pires, capital conclui entrega das 19 miniusinas de oxigênio

Em funcionamento, as novas unidades representam, juntas, uma economia mensal de R$ 250 mil

33

A Prefeitura de São Paulo concluirá nesta segunda-feira (07) a entrega das 19 miniusinas de oxigênio para a rede de Saúde da cidade. As três últimas estão sendo instaladas nas AMAs (Assistência Médica Ambulatorial) Sapopemba e José Pires, na Zona Leste, e na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Vila Mariana, Zona Sul, onde o prefeito Ricardo Nunes e o secretário municipal de Saúde, Edson Aparecido, estiveram na manhã de hoje para acompanhar a instalação do equipamento que terá capacidade para produzir 29 metros cúbicos de oxigênio por dia.

“Estamos conseguindo avançar dentro do esperado com as ações de combate à covid, com a ampliação do atendimento à saúde na cidade. Hoje concluímos a entrega das 19 miniusinas de oxigênio com essa [da Vila Mariana] e depois nas AMAs Sapopemba e José Pires, completando as 19, que além de terem importância para o atendimento contribuem para uma economia mensal de R﹩ 250 mil”, disse o prefeito Ricardo Nunes. Além de alimentar os 30 leitos de UTI que são esperados com a conclusão do equipamento, a miniusina poderá também abastecer os cilindros de oxigênio dos equipamentos de Saúde da região.

O secretário Edson Aparecido falou sobre a importância destes equipamentos para a pandemia. “Com essas 19ª miniusinas teremos a capacidade para ampliar até o dia 20 de junho a abertura de mais 250 leitos de UTI aqui na cidade”, ressaltou. A operação das três usinas está prevista para o dia 18 de junho.

Miniusinas

Os geradores, juntos, terão capacidade para produzir diariamente nove mil metros cúbicos de gás, o equivalente a 900 cilindros por dia, suficientes para abastecer 596 leitos de enfermaria e 211 de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs).

Já foram entregues 16 miniusinas à população nas seguintes unidades:
1. HD Capela do Socorro;
2. UPA Jabaquara;
3. HD M’boi Mirim 2;
4. HM Sorocabana;
5. HD Flavio Gianotti;
6. HD Tito Lopes;
7. HD Campo Limpo;
8. HD M’boi Mirim 1;
9. HD Cidade Ademar;
10. HD Mooca;
11. PS Lapa;
12. HD Brasilândia;
13. HD São Mateus;
14. HD Vila Guilherme;
15. UPA Vila Mariana;
16. HD Butantã.

Quando uma miniusina é entregue, ela passa por um processo de instalação e início de produção que dura, em média, três dias.

Reportagem: Da Redação.  Foto: Divulgação.

Se você quer conferir outros conteúdos como este aproveite e acesse a home de nosso site.

Comentários
Carregando...